quarta-feira, 18 de julho de 2012

Entrevista: Gilmar Fraga

Você já conhece Gilmar Fraga segundo as nossas palavras. A seguir, o próprio apresenta o trabalho do ilustrador, fala sobre como será a oficina A palavra ilustrada, do Festival de Inverno, e dá algumas sugestões aos ilustradores iniciantes (ou veteranos): 


CLL - Que tópico será o enfoque da tua oficina? (Ilustração para livros, poemas, contos, matérias de jornal, ou uma visão geral de ilustração, etc?)

Fraga - A ideia da oficina é experimentar através do desenho e de forma prática, o exercício de ilustrar diferentes tipos de linguagem textual (poema, crônica, conto, literatura infantil etc), sempre com um enfoque voltado ao mercado editorial.

CLL - Quais os passos básicos para quem quer se tornar ilustrador profissional?

Fraga - Acredito que a curiosidade e a experimentação são elementos básicos pra quem quer  "viver de desenho".
Outro fator que está na base de tudo, é ter "sede" de desenhar, de conhecer suas habilidades, de desenvolver seu processo pessoal de criação. Exercitar a criatividade e desenhar muito, é importante praticar desenho de observação, fazer quadrinhos, animação, arte de rua, e estar atento e aberto as tendências e movimentos do universo da arte e essas referências que vão surgindo ao longo do caminho pra saber interpretar estes movimentos, com seu próprio estilo.

CLL - Diferentes tipos de texto pedem por ilustrações com estilos diferentes, ou fica a cargo do estilo adotado pelo artista?

Fraga - Existem dois tipos de ilustrador: aquele que invariavelmente não muda seu estilo e que é justamente procurado porque o "cliente" sabe o que quer e o que pode esperar deste profissional.
E aquele mais "eclético" e "multiplataforma" que desenha variando de estilo e técnicas de acordo com o projeto em que está envolvido no momento.
O que passa é que este segundo tipo de artista, por oferecer uma gama maior de possibilidades a serem exploradas pelo cliente, tem condições de absorver uma gama maior de projetos e trabalhos em áreas distintas. Saber distinguir que tipo de desenho ou técnica é mais adequada a determinado tipo de trabalho é o desafio desse profissinal mais eclético.

CLL - Algum livro ou obra que sirva de sugestão de leitura para quem irá participar da tua oficina?

Fraga - A minha sugestão é a revista Ilustrar, a primeira revista 100% brasileira feita por ilustradores, voltada para o mercado de ilustração nacional e internacional.
O bacana é que a revista é gratuita e pode ser baixada no formato pdf diretamente no tablet ou computador. Clica lá em: http://www.revistailustrar.com/intro.html

Outra sugestão pra quem se interessa por desenho, é a série de livros do Burne Hogarth (desenhista do Tarzan),
os titulos são:
- A figura humana sem dificuldade
- O desenho anatômico sem dificuldade
- O desenho da cabeça humana sem dificuldade
- Luz e sombra sem dificuldade
- Perspectiva sem dificuldade
- A banda desenhada sem dificuldade


As inscrições para os cursos, palestras e oficinas podem ser feitas aqui na CLL (Av. Erico Verissimo, 307) das 9h às 12h e das 14h às 18h.

Nenhum comentário:

Postar um comentário