quarta-feira, 25 de maio de 2011

Literatura entre toalhas

A toalha: objeto cotidiano tão banal é festejada hoje, 25 de maio, Dia Mundial da Toalha. O que pouca gente sabe é que essa comemoração tem origem literária.

A ideia surgiu dos fãs do escritor inglês Douglas Adams, que, na ocasião da sua morte, bolaram um jeito criativo para homenagear o autor da série O Guia do Mochileiro das Galáxias, texto que tanto os fizera rir. A toalha foi escolhida, pois na obra é citada como um dois objetos mais importantes a se levar em uma viagem espacial. No ano de 2001 houve a primeira comemoração da data, que ganhou adeptos e virou febre mundial na internet devido ao grande número de seguidores, que postam fotos divertidas munidos de sua toalha.


A saga O guia do mochileiro das galáxias (Douglas Adams, Arqueiro, 208 páginas, R$19,90) é composta por cinco volumes e conta as aventuras de Arthur Dent pelo espaço. Marcado pelo humor, a obra tornou-se um clássico da ficção científica e é conhecida no mundo inteiro.


Trecho
-Sabe - disse Artur -, é em ocasiões como esta, em que estou preso numa câmara de descompressão de uma espaçonave vogon, com um sujeito de Betelguese, prestes a morrer asfixiado no espaço, que realmente lamento não ter escutado o que mamãe me dizia quando eu era garoto.
- Por quê? O que ela dizia?
- Não sei. Eu nunca escutei.

A obra foi digitalizada e pode ser lida na íntegra pela Internet.

Nenhum comentário:

Postar um comentário