sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

Criação Literária: Erros, Errantes e Afins

Erros, Errantes e Afins de Emir Ross é um dos finalistas do Prêmio Açorianos na categoria Criação Literária - 2013 Contos/Porto Alegre 

Erros, Errantes e Afins  é um livro de contos em que os personagens tomam decisões (erros) que muitas vezes afetam suas vidas. O leitor percebe que a cada tipo de erro há um destino diferente. Personagens de diferentes classes sociais, etnias, visões de mundo. Um livro que trabalha com a forma narrativa, usando variações de narrador, inclusive dentro do mesmo conto. Variações de narrador e metalinguagem fazem de Erros, Errantes e Afins  não ser uma coletânea de contos mas um livro onde os textos foram planejados seguindo a mesma temática.

Emir Ross é formado em Publicidade e Propaganda pela Unisinos, participou de oficinas de Literatura com Fabricio Carpinejar, Pedro Gonzaga e Charles Kiefer. Vencedor de prêmios literários nos gêneros conto, crônica e também em poesia. Foi primeiro lugar no concurso Cataratas de Literatura 2012 com o conto "Cotovelos ao Parapeito" e primeiro lugar no concurso Francisco Beltrão de Literatura 2013 com o conto "Meu Nome é Zé, Senhor", além de ter várias publicações em coletâneas. Atualmente trabalha como Redator Publicitário.

Emir Ross falou à coordenação do livro sobre sua expectativa por ser um dos finalistas do Prêmio:

"Mais do que expectativa, estar entre os cinco é um reconhecimento. É ter certeza que os anos trabalhados e as dezenas de páginas escritas são de fato um livro. O Açorianos hoje não é apenas o nosso maior prêmio. É uma reunião do que melhor se faz no Estado. E essa nova categoria criada há poucos anos é a porta de entrada para esse mundo. Acredito que a escolha do vencedor, por mais objetivos que possam ser os critérios, é sempre subjetiva, pois é feita por seres humanos, que carregam suas vivências e as colocam no julgamento. Portanto, todos finalistas já são vencedores. A literatura não é um jogo. Mas já que no regulamento está escrito que necessariamente haverá um ganhador, que assim seja.

Nenhum comentário:

Postar um comentário