quinta-feira, 3 de janeiro de 2013

J. R. R. Tolkien


 John Ronald Reuel Tolkien, premiado escritor, professor universitário e filósofo britânico, nasceu há no dia 3 de janeiro de 1892, 121 anos atrás.

Segue abaixo um pouco mais da história do considerado pai da moderna literatura fantástica.

Mais conhecido como J. R. R. Tolkien, é autor dos Best-Sellers O Hobbit, O Senhor dos Anéis e O Silmarillion. Nasceu na cidade de Bloemfontain na África do Sul, e, depois de ter perdido o seu pai, mudou-se juntamente com a sua mãe e o irmão, para a Inglaterra. 



Foi casado com Edith Mary Reuel Tolkien, com quem teve quatro filhos: John Francis, Michael Hilary, Christoper John e Priscilla Anne.

Amante da linguística, estudou grego, latim, finlandês, onde se baseou para criar o idioma élfico Quenya e o galês, base para o Sindarin. Criou também as línguas Khûzdul e o Valarin. Desenvolveu alguns sistemas de escrita, runas angerthas e as tengwar.

Mapa de Arda.
Participou da Primeira Guerra Mundial, onde possívelmente começou a escrever rascunhos sobre Arda,  palco de suas histórias. Era doutor em Letras e Filologia (ciência que estuda a língua) pela Universidade de Dublin e Liége. Foi professor de anglo-saxão, inglês e literatura inglesa em Oxford.

Teve suas obras traduzidas em 34 idiomas e vendeu mais de 200 milhões de cópias. 
Era amigo íntimo de C. S. Lewis, autos de As Crônicas de Nárnia.

Tolkien, após sua experiência na Primeira Guerra, se tornou avesso a tecnologia, acreditando que o controle que ela exerce sobre o homem, mesmo que usadas para o bem, traria sofrimento.

Com 81 anos de idade, nas primeiras horas do domingo de dois de setembro de 1973, J. R. R. Tolkien morreu na Inglaterra. Foi enterrado junto à esposa, no Cemitério de Wolvercote, no túmulo feito de granito da Cornualha.

The One Ring.

Nenhum comentário:

Postar um comentário