quarta-feira, 26 de setembro de 2012

Feliz aniVeríssimo!

Dia 26 de Setembro é dia de comemorar. Sim, de comemorar. Mas o quê? Há diversos motivos, acontecimentos e fatos históricos que fazem desse dia, o 270° dia do ano, um dia especial. Para nós aqui da Coordenação do Livro e Literatura (e para o público leitor brasileiro), hoje é dia de parabenizar e acender 76 velinhas para o escritor porto-alegrense, Luis Fernando Veríssimo.

O escritor gaúcho nasceu em Porto Alegre, ao ano de 1936. Jornalista, começou sua carreira como copy desk no jornal Zero Hora, quando, a partir de 1969, passou a escrever matéria assinada, substituindo a coluna de Sergio Jockyman, no mesmo periódico. Em 1973, lançou seu primeiro livro de crônicas, chamado O Popular - crônicas, ou coisa parecida, recebendo, desde o início, elogios críticos positivos. 

Seus textos, marcados fortemente pelo humor e pela sátira de costumes, conquistaram gerações de leitores e críticos. Luis Fernando Veríssimo, mais conhecido do público por suas crônicas, lançou também contos, poemas, literatura infanto-juvenil e romances. É criador de personagens que ficaram muito populares, como o Analista de Bagé e Ed Mort. Além de um grande escritor, L.F. Veríssimo é um baita músico, tendo o Jazz e o seu instrumento de formação, o saxofone, como grandes paixões.

Aqui vai um trecho da arte de Luis Fernando Veríssimo:
Hoje não existe mais isto. As pessoas bebem, bebem e não acontece nada. No dia seguinte estão saudáveis, bem dispostas e fazem até piadas a respeito. De vez em quando alguns dos nossos se encontram e se saúdam em silêncio. Somos como veteranos de velhas guerras lembrando os companheiros caídos e o nosso heroísmo anônimo. Estivemos no inferno e voltamos, inteiros. Mais ou menos. Um brinde. E um Engov.
- Trecho do conto Ed Mort e o anjo barroco, do livro Ed Mort e outras histórias
Fica aqui a nossa homenagem e o nosso parabéns a esse grande escritor que carrega, não só o legado da literatura sul-rio-grandense, mas também o de seu pai, Erico Veríssimo. Parabéns!

Nenhum comentário:

Postar um comentário