quarta-feira, 27 de junho de 2012

Gilberto Gil na voz de Antônio Cícero

Daqui a exatamente um mês, quando Gilberto Gil completará seus 70 anos, um mês e um dia de vida, Antônio Cícero estará em Porto Alegre durante o Festival de Inverno para ministrar a palestra A letra e música a partir de Caetano e Gil. Na ocasião, o cantor, poeta e filósofo carioca irá discutir o "impacto, o efeito e a importância que a arte de Caetano e Gil tiveram sobre a música brasileira". Como comemoração do aniversário de Gil, tivemos uma conversa breve com Antônio Cícero sobre a trajetória do ex-Ministro da Cultura:


CLL - A música de Gil durante o final dos anos 1960 e início dos 1970 possui temáticas políticas que refletiriam em seu ingresso posterior no governo, como vereador em Salvador em 1989 e como Ministro da Cultura de 2003 a 2008?

Antônio Cícero - Creio que, pelo menos diretamente, não há continuidade entre a temática política da música do Gil dos anos 70 e a atividade dele no Ministério da Cultura. Por outro lado, é claro que o Tropicalismo, bem como a experiência de Londres marcaram sua concepção do mundo, e é evidente que essa concepção do mundo o acompanhou ao Ministério.

CLL - Os ideais tropicalistas nas composições de Gil deixaram de ter papel central ou continuaram  presentes em sua produção musical após o fim da ditadura brasileira?

Antônio Cícero - Digamos que o Tropicalismo foi um divisor de águas. Não apenas a música de Gil, mas toda a música brasileira pode ser dividida em antes do Tropicalismo e depois do Tropicalismo: AT e DT.

CLL - Aos 70 anos, Gil já produziu inúmeras obras musicais de muita importância para a cultura brasileira. É possível determinar o álbum ou a canção cujo impacto foi maior na sociedade brasileira?

Antônio Cícero - Para mim, não. São tantas que ocorrem: Louvação, Tropicália, Expresso 2222, Refazenda, Realce... e por aí vai.


Antônio Cícero já participou da programação do 24 horas de Cultura de 2011 com o curso Como ler um poema. Publicou 4 livros, participou de 17 coletâneas, tem centenas de textos publicados em periódicos, lançou 2 discos e compôs cerca de 40 canções da MPB.


A letra e música a partir de Caetano e Gil
R$ 5,00
27/07
17h30min às 19h
Sala Álvaro Moreyra

Para maiores informações, acesse o site do 7º Festival de Inverno de Porto Alegre.

Nenhum comentário:

Postar um comentário