sexta-feira, 13 de maio de 2011

O 13 na numerologia

Sexta-feira 13? Até os mais céticos brincam com as superstições em torno desse dia. Filmes, livros, peças de teatro, em algum momento você já se deparou com um texto que mencionasse a mística da sexta-feira 13, sempre no sentido pejorativo. Há quem prefira ter um cuidado um pouco maior durante 24h “só pra garantir”.

Mas como surgiram as crenças e mitos que regem essa data? A numeróloga gaúcha Anna Marya Schneider explica que o negativismo está relacionado especificamente ao número 13. A sexta-feira, de acordo com a astrologia, é regida por Vênus, por isso considerado um dia de amor e alegria. Em contrapartida, a carta de tarô que representa a morte é a de número 13, o que leva as pessoas a estabelecer a relação.

No entanto, no tarô a morte não é necessariamente interpretada de maneira literal.

- Essa morte a que se refere a carta 13 tem o sentido de transmutação. É a ruptura de um ciclo, carrega a ideia de mudança. É interpretada como algo ruim porque sair de uma zona de conforto, num primeiro momento, nunca é visto com bons olhos. Ela pode, claro, significar a morte do corpo, mas também pode estar relacionada ao casamento (morte de um ser só para o nascimento de dois unidos) – afirma Anna Marya.

Segundo ela, todos os dias exercem influência no cotidiano das pessoas. Além do dia do mês, existe um dia universal, calculado pela soma dia+mês+ano. Hoje, 13 de maio de 2011, é o dia universal 13 (1+3 + 5 + 2+0+1+1 = 13), ou seja, a influência do número 13 é dobrada.


- O dia 13 de hoje é especial por coincidir com o dia 13 universal. Todas as pessoas estão fortemente sujeitas a rupturas, mudanças de alguma natureza. Existe também um ano pessoal (abaixo como calcular), que, quando concorda com os outros, é ainda mais poderoso. Aqueles que tem o 13 como ano pessoal, sem dúvida serão atingidos por essa energia de hoje.

*Para calcular o ano pessoal soma-se o dia e o mês de nascimento ao 1) ano anterior, se ainda não fez aniversário, 2) a este ano, se o aniversário já passou. Ex: Alguém que nasceu em 25 de maio, deve fazer o seguinte cálculo: 2+5 + 5 + 2+0+1+0 (como o aniversário ainda não aconteceu, soma-se 2010) = 15 = 6. O ano pessoal é 6.

Anna Marya recomenda o livro Numerologia e o Triângulo Divino, aos que se interessarem pelo assunto.


Numerologia e o Triângulo Divino, de Faith Javane e Dusty Bunker (Pensamento, 264 páginas, R$33,00).

Dividido em duas partes, o livro busca explicar como são determinados os números que governam a nossa vida e também orientar sobre como nos planejarmos por meio da colocação no quadro de
nominado “Triângulo Divino”.

Trecho:

“O 13 significa a morte pela degeneração ou a vida e a realização através da degeneração. Não existe meio termo no 13; esse número requer tudo ou nada”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário